O Início Ficou para Trás

Cinco meses após ter colocado meu filho Pedro no G. E. Falcão Peregrino, em Julho de 2009, fui convidado pela Chefia da Alcateia para participar do acantonamento de inverno dos Lobinhos como Assistente de Chefe. Eu era um Pai do Falcão.

Foi neste acantonamento, em Piedade – SP, que eu pude ver e sentir, pela primeira vez, o que significaria estar no Movimento Escoteiro. Na época, em agradecimento, eu enviei um e-mail para os contatos que tinha até então com o seguinte texto:

Olá a todos.

Eu gostaria de agradecer, do fundo do meu coração, ainda emocionado, a oportunidade única que foi dada à minha família de poder participar e, principalmente, contribuir para um movimento jovem tão expressivo e sincero.

Eu não sabia que, há mais de 100 anos, o Mundo possuía uma solução para erradicar suas mazelas.
Eu não sabia que seria tão fácil e prazeroso.
Eu não sabia que ainda dava tempo.
Eu não sabia como.

Eu não sabia que o amor que tenho para com minha esposa e filhos pudesse se expandir e alcançar o próximo tão facilmente.
Eu não sabia quão realizador poderia ser o pouco feito por muitos.
Eu não sabia que um dia me chamariam de Lobo Gris.

Eu não sabia que poderia voar além dos montes.
Eu não sabia que poderia ser um Falcão Peregrino.
Eu não sabia.

Muito obrigado.
Lobo Gris.

Na época eu recebi vários retornos a este e-mail e, de tempos em tempos, eu os releio. Isto tem me ajudado a não esquecer a verdadeira essência que vi no Movimento Escoteiro.

Ao relembrar as minhas primeiras impressões sobre o Movimento Escoteiro sinto-me mais forte para continuar lutando por ele.

Com o passar dos anos ficamos mais sábios, experientes, calejados, e acabamos nos esquecendo de como tudo começou. Este resgate ao início, ao prólogo, ao começo, é muito poderoso.

O que você faria de diferente hoje, se ontem você tivesse visto fotos de quando o seu filho era apenas um bebê?

O que você vai fazer de diferente amanhã, se hoje você vir fotos de quando você era apenas uma criança?

EXPERIMENTE!!!

Deixe seu comentário

Você deve estar logado para escrever um comentário.